Guarda Municipal prende homem em flagrante em São Francisco

No fim da manhã desta quinta-feira (18), agentes da Escala Olímpica da Guarda Civil Municipal de Niterói, em patrulhamento por São Francisco, prenderam em flagrante um homem de 43 anos em flagrante por furto de bicicleta. O homem foi encaminhado à 77ª DP, onde foi verificado que o suspeito possuía sete anotações criminais. O fato ocorreu na Avenida Quintino Bocaiúva, próximo a uma agência bancária.

Os guardas estavam realizando o patrulhamento pela escala olímpica, quando foram requisitados por populares que presenciaram o furto da bicicleta. Prontamente os agentes detiveram o acusado e o caminharam para a 77ª DP. O produto do furto foi recuperado e devolvido ao proprietário.

 

Centro Integrado de Segurança Pública atendeu 3.292 ocorrências em um ano

IMG_20160804_162114015

O Cisp (Centro Integrado de Segurança Pública) completou um ano na quarta-feira (10/8) com um total de 3.292 ocorrências atendidas e 10.729 acompanhadas de agosto de 2015 até o último dia 31 de julho.

Do total de ocorrências atendidas, que são aquelas em que são captadas pelas câmeras e o Cisp aciona os órgãos competentes, 1.244 foram sobre trânsito, 1.133 criminais, 327 de ordem pública e 608 diversas.

Em relação aos atendimentos pelo serviço telefônico do 153, desde janeiro de 2016, foram totalizados 4.088 casos.

Com a cidade toda monitorada, houve uma redução nos índices de algumas modalidades criminais como os roubos a transeuntes. Segundo os dados do ISP (Instituto de Segurança  Pública). De agosto/2015 a junho/2016 foram 2.762 ocorrências contra 3042 de agosto de 2014 a junho de 2015, uma redução de 10%.

“O Centro Integrado de Segurança Pública tem atendido o objetivo de integrar as instituições policiais, proporcionando em Niterói uma troca constante de informações e ações conjuntas entre as esferas de governo. Até o fim do ano o objetivo é que o Cisp se torne referência em atendimento através do serviço de emergência do número 153″, disse o secretário de Ordem Pública de Niterói, coronel Gilson Chagas.

Também caíram os registros de roubos em ruas (que soma os roubos a coletivos, transeunte e de telefone celular). De agosto/2015 a junho/2016, foram 3.585 casos contra 3.699 no mesmo período dos anos anteriores, uma queda de 3,08%.

O Cisp foi responsável por ajudar na solução de um caso de grande repercussão na cidade: o assassinato do aposentado João Bosco. As câmeras flagraram dois suspeitos abandonando um carro e um deles acabou preso. Outro caso foi a prisão de um suspeito de integrar uma quadrilha de traficantes que teve imagens captadas pelo Cisp quando era atendido no Hospital Azevedo Lima.

Hoje, o Cisp conta com 371 câmeras e vai entrar em uma nova era: começaram a ser instaladas na semana passada na Ponte Rio-Niterói dispositivos que serão capazes de fazer a leitura das placas dos veículos. Com uma parceria com a Polícia Civil, esse sistema permitirá a identificação de carros roubados que entram e saem da cidade. Ao todo, serão 12 câmeras.

 

 

Guardas Municipais fazem ótimo trabalho durante passagem da tocha por Niterói

Apresentação dos integrantes da IV turma do Curso de Formação Profissional da Guarda Civil Municipal

_MG_4018_MG_4034

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Estudantes fazem 10km de trilha com a Guarda Municipal de Niterói

WhatsApp-Image-20160721

Cerca de 15 alunos do 3º ano do Ensino Médio do Colégio Estadual Dorval Ferreira da Cunha, no Rio do Ouro e duas professoras, realizaram na manhã desta quinta-feira, trilhas guiadas com Guardas Civis Municipais da Coordenadoria do Meio Ambiente (CMA). Eles percorreram cerca de 10 km, iniciando pela trilha do Santo Inácio, seguindo pela trilha do Platô e, por fim, a trilha do Eucalipto, todas na região do Parque da Cidade, na Zona Sul de Niterói.

Os Guardas Municipais tiveram a oportunidade de mostrar para os alunos a vegetação característica do Parque. O que mais chamou atenção dos estudantes foi ter a oportunidade de conhecer ao vivo uma árvore de Pau-Brasil.

“O colégio nos procurou e agendou essa caminhada. É bastante produtivo para os estudantes, pois eles têm um ensino de campo. E pela distância que percorreram deu pra ver que eles estão recebendo um bom treinamento físico da professora”, comentou o subinspetor da coordenadoria de Meio Ambiente, Marco Silva.

golfinho morto itaipu oglobo 20-07

 

 

saidinha de banco flagrante 18-07

 

coruja fonseca band

 

 

Guarda Ambiental OGLOBO.jpg

Confira a matéria na íntegra:  http://oglobo.globo.com/rio/bairros/numero-de-regastes-da-guarda-ambiental-aumenta-em-mais-de-80-19646918

Guarda Municipal de Niterói recebe alunos da rede estadual de ensino para aula de campo.

Estudantes conheceram a rotina da Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda.

WhatsApp-Image-20160630

Visita à sede da Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda Civil de Niterói.

Um grupo de 20 alunos do 1º ano do Ensino Médio do Colégio Estadual Dôrval Ferreira da Cunha estiveram, na manhã desta quinta-feira (30/06), em visita à sede da Coordenadoria de Meio Ambiente da Guarda Civil Municipal de Niterói, no Horto do Fonseca. Os estudantes, junto com suas professoras, puderam aprender sobre a rotina de trabalho dos guardas municipais, que se dedicam à preservação do Meio Ambiente.

Durante a visita, conferiram os materiais utilizados para o resgate de animais silvestres, tiveram contato com serpentes e aves resgatadas no município, que serão reintegradas ao seu habitat natural ou receberão tratamento especializado, para então serem libertadas em segurança em ambiente favorável.

WhatsApp-Image-20160624

Gavião-asa-de-telha resgatado no bairro Sapê.

Os guardas municipais tiveram a oportunidade de falar sobre a importância do trabalho da Guarda Civil Municipal na preservação do Meio Ambiente e, ainda, alertaram sobre a necessidade de continuidade do trabalho de combate ao mosquito Aedes Aegypti, vetor da Dengue, da Zika e Chikungunya.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

WhatsApp-Image-20160621

 

 

Guardas de Niterói treinam com cães

 

A Guarda Civil Municipal de Niterói vem aperfeiçoando suas atividades a fim de melhorar a segurança da população. E com a construção da Cidade da Ordem Pública Coronel Marcus Jardim, prevista para ser inaugurada em setembro, esse trabalho será ainda melhor. Uma das novidades é que a nova sede contempla um canil, com capacidade para até dez cães. E os Guardas já estão capacitando para o trabalho com os animais. Esse é o caso do GM Barenco, coordenador Marques, subinspetor Leandro e coordenador Salvador, que nos últimos meses vem se especializando.

A possibilidade de ter um grupamento com cães é enaltecida pelos guardas civis municipais.

“O grupamento aproxima a população da instituição. Os cães não são utilizados nas ruas para oprimir,  mas para participar do patrulhamento como também para atividades de adestramento e exibição”, disse o subinspetor Leandro.

Os guardas enfatizam que ter cães na guarda pode facilitar muitas operações, desde controle de distúrbios, como nas rondas e em busca por desaparecidos.

“O cão é uma ferramenta de trabalho que dá a vida pelo seu condutor. Ele possui um faro tão apurado que é capaz, inclusive, de ajudar na busca por pessoas no mar”, comentou o coordenador Marques.

O grupamento ambiental da guarda também será beneficiado com a possibilidade de trabalhar com animais. A ideia, inclusive, é que haja um grupamento de cães específico para o setor ambiental.

“Contar com cães com maior capacidade olfativa será muito importante na  busca por pessoas desaparecidas, o que pode acontecer em nossas matas, já que temos uma grande área de Mata Atlântica”, afirmou o coordenador Salvador.

As intenções para o grupamento de cães não estão restritas às atribuições da Guarda Civil no dia a dia. Existe a intenção de utilizar os cães da guarda para cinoterapia, que é uma  abordagem terapêutica que tem como diferencial o uso de cães como co-terapeutas no tratamento físico, psíquico e emocional de pessoas com necessidades especiais.

 

 

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 29 outros seguidores